segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

"Pita Chorona"...


Se a minha minha avó fosse viva olharia para mim com cara de "poucos amigos", levantaria o dedo indicador em riste e chamar-me-ia "pita chorona".

É verdade que desde pequena que sou de "lágrima fácil". Vejo um filme ou estou a ler um livro que me comovem e lá abrem as cataratas de Niagara...

Mas nos últimos tempos até me estava a portar bem. Aliás, para quem me conhece há muito tempo, passei de "pita chorona" para "cínica". E. confesso, não estava nada preocupada. Penso que ser realista e não esperar nada dos outros não é ser cínica. É ser realista. Mas, passando à frente....

O problema é que nos últimos dias parece ter rebentado um dique qualquer numa glándula conhecida por lacrimal.

Ontem, ao rever "Sensibilidade e Bom Senso", foi uma inundação completa. Durante a madrugada, e ao ler uma frase do livro que estava a ler, foi uma "desgraça franciscana". Como se não bastasse, esta manhã ao começar a arquivar documentos começam a cair umas "pingas".

Fosga-se... se a "máquina" não estivesse fechada dizia que estava grávida... Apesar de haver quem defenda que “chorar é dizer em lágrimas o que o coração sente, e que a boca, por um orgulho ou outro, se recusa a dizer.”


A música é repetida mas é aquela que me está a fazer companhia...

"My heart is numb has no feeling,
So while im still healing..."

 




4 comentários:

Ana Sá disse...

Há dias em que estou assim... outro dia comecei a chorar no banco!

Petra disse...

Oh NI como te percebo tenho dias desses.... e então nesta altura ainda pior... beijo querida.

Confuskos disse...

Mulheres.....

NI disse...

Ana, eu basta ir consultar a minha conta para me dar vontade de chorar. :)

Petra, obrigado. O que vale é que me "levanto" rápido.

Confuskos, ai as mulheres...Deve ser por isso que andam sempre atrás de nós :)

Beijos a todos

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso