quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Eu era assim com cinco anos!



Hoje ao arrumar umas fotos, encontrei esta:


Tinha cinco anos.

39 anos volvidos, tenho mais alguns centímetros, mais algum peso (coisa de pouca monta, claro está) e o cabelo mais claro.

Curiosamente, onde sinto maior diferença é nos meus olhos. Hoje não consigo vislumbrar o mesmo brilho e confiança que tinha com seis anos.

Mas, como disse William Shakespeare:

... O tempo é algo que não volta atrás.
Por isso plante seu jardim e decore sua alma,
Ao invés de esperar que alguém lhe traga flores ...


12 comentários:

Otto Pluma disse...

Nunca deixes de esperar que alguém te traga flores.Há sempre alguém que consiga ver-te nos olhos o brilho e a confiança de uma menina de seis anos.

Long time, no see. Abraço.

Eu Mesma! disse...

ai....
estavas tao diferente....

:)

Abobrinha disse...

Há uma idade da inocência e depois há as outras. Cada qual a seu tempo e há que aproveitar todas da maneira adequada. Não tenho a inocência de quando tinha 5 anos, mas se tivesse isso é que seria anormal e mesmo pouco desejável. E tenho a confiança e desassombro de saber que nem tudo é possível, mas muito do que é realmente possível é muito bom.

Eras uma doçurinha. Eu também era uma ternurinha, mas não coloco fotos minhas de idade nenhuma no blogue.

E que raio de mania nessa altura de pôr o pessoal a posar ao pé de mesinhas de telefone!

najla disse...

Eu adorei a foto! Adoro ver fotografias e recordar. Dizem que quando começamos a recordar e a ter saudades do passado, que é sinal de velhice...ms não. Foi-me incutido pela minha avó admirar e adorar ver fotografias. E apesar de ter idade suficiente para recordar e para ter saudades mas ainda sem me sentir velha (porque não o sou, claro), quando vejo fotografias de pessoas que mesmo que não as conheça, consigo admirar e deixo-me maravilhar.
O brilho dos olhos ainda o tens, NI. Tu podes não o ver, mas de certo que haverá quem o veja....mesmo que não te entregue flores!
ADOREI.
Um beijo

VCosta disse...

Afinal também eras gira em miúda!!!

NI disse...

Otto, já deixei de acreditar. E, sim, nestes últimos meses já perdi o brilho que tinha. Mas, para compensar, ganhei algumas rugas, ahahahahah

Eu Mesma, continuo a ter as pernas jeitosas, ahahahahah

Abobrinha, olha que às vezes tenho a inocência daquela menina de cinco anos e caio que nem uma patinha.

Já agora, também não entendo aquela postura :)

najla, no meu caso olha que é mesmo um sinal de velhice. Ontem recordei as fotos que o meu querido Requiem tirou à apenas um ano atrás. Para mim, parece que passaram anos...

VCosta, eu era gira quando era miúda. Agora não me conheces caso contrário não tinhas utilizado o termo "também", ahahahahah

Bjs a todos

JP disse...

Esquece o brilho nos olhos... ainda usas o mesmo vestido? :)

NI disse...

Ahahahahahah

Não. Mas tenho um parecido...

JP disse...

:)
Ui! Fica-te a matar.
Vês como também faço subir o moral. ;)

Creio que tenho uma série de fotografias com 4 anitos mas em África. Devo ter, não me recordo, tenho que ir ao álbum.

NI disse...

Penso que matava era quem me visse com esta idade e um vestido assim, ahahahahah

JP disse...

LOL
Como opção tens a burka. :)

NI disse...

Ahahahahahah

Ora aí está algo de misterioso...como eu...

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso