terça-feira, 20 de abril de 2010

O que faziam?

Independentemente de serem homens ou mulheres, imaginem que estavam numa situação idêntica à do bombeiro conforme a imagem documenta:



O que faziam?

11 comentários:

Eu Mesma! disse...

Desviava-me para o lado e dizia... ops :)

NI disse...

Ahahahahahah

Sinceridade acima de tudo!

Imperator disse...

dava-lhe um cartão para depois conversar com ele sobre o divórcio sem o consentimento do outro cônjuge lol

NI disse...

Imperator, mas nem nesta situação te esquecias do trabalho? Ahahahahah

Sadeek disse...

Ooooooooooops........caiu!!! :D

BEIJOOOOOOOOOOOO

NI disse...

Olha-me outro...

Mas, até pode existir uma justificação perfeitamente válida para ela estar nua nos braços de outro homem.

Vejamos:

Imagina que ela estava a preparar uma surpresa ao marido. Decidiu alugar um quarto num motel para passarem umas horas diferentes.

Estava na cama, toda nua e estava a prepara-se para ligar ao marido para vir ter com ela quando começou o incêndio. Começou a gritar com medo e um homem que estava no quarto ao lado, como bom samaritano, pegou nela para a tentar salvar. Numa situação aflitiva não há tempo para nos preocuparmos com coisas triviais como vestir a roupa...

Ahahahahahah

Nota - Há sempre a possibilidade de existir outras razões que os nossos olhos não conseguem descortinar!

Beijo

Sadeek disse...

Não duvido que ele tenha tido uma ENOOOOOOOOORME surpresa....não tenho não.....e já sabes que eu não podia concordar mais com essa de "Numa situação aflitiva não há tempo para nos preocuparmos com coisas triviais como vestir a roupa" mas mesmo assim.......

Opppppps......caiuuuuuu......:D

NI disse...

Retenho apenas com o trivial :)

só 1 mulher disse...

Virava as costas e ía embora..

1 beijinho

Rui da Bica disse...

Ò Ni. Essa da "surpresa ao marido" fez-me lembrar aquele programa do Jô Soares, em que ele usava muito o : "Tem pai que é ceeegooo !... " eheheheh
O que se fazia ? Dependeria do relacionamento do casal. Até podia ser, salvá-los e dar um grande abraço ao "outro", dizendo: "É pá, obrigadinho. Que grande favor me fizeste. Agora fica com ela !!! rsrsrsrs
.
.

najla disse...

Acho que o pessoal repetiu o suficiente o que eu diria. Mas mesmo assim reforço o "ops, caiu"

eheheheh

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso