terça-feira, 19 de maio de 2009

Sempre fui uma verdadeira tótó


em matéria de "copianço".


Era constantemente gozada pelos meus colegas. Mas, na verdade, nunca consegui ter a coragem, o engenho e a arte de "copiar".


Penso que esta minha faceta teve efeitos nefastos no meu crescimento enquanto membro desta urbe que se chama sociedade.


É que não consigo ludibriar ninguém.

E não entendam isto como um falso moralismo. É mesmo falta de engenho e arte. Mas isto agora não interessa nada.


O tema vem a propósito dos exames globais do 4º e 6º ano e do facto de ter acabado de ouvir uma mãe toda babada a contar com o ar mais natural do mundo de que tinha ensinado ao filho a arte de bem ludibriar no exame (entenda-se, copiar).


Fiquei com a sensação horrível de ser uma péssima mãe. É que no fim-de-semana passado disse à minha filha que lhe pregava um castigo se soubesse que ela copiava.


Mas isto também não interessa nada para o tema de hoje.


O que eu, verdadeiramente, quero saber (as voltas que eu dei para chegar até aqui), é:

1. Já copiaram?

2. Se sim, qual o método?

3. Adiantou alguma coisa?

14 comentários:

TM disse...

Realmente é curioso o que os pais ensinam hoje em dia... depois queixam-se dos putos serem o que são....
E não... o cabulanço nunca foi a minha área.... nunca tive o minimo jeitinho para a coisa... já a partilha de conhecimentos é algo que admito que possui alguma utilidade....

PAULO LONTRO disse...

A - Muitas vezes…

B - O mais claro possível, em folhas A4 escrito em letra normal, copiar sempre só o necessário, o que eu não sabia mesmo.
Quando o prof passava não podia pensar que era copianço, via as folhas e ligava-as ao meu teste. Pensava que era rascunho ou mesmo já as respostas feitas.
Estavam ali, mesmo à frente não podia ser copianço… claro

C – Uma vez, um prof de geografia viu as folhas, pegou nelas e perguntou o que era, eu disse-lhe;
- Não sei… devo ter deixado aí as folhas por onde estudei!
E ainda disse;
- Não me viu a lê-las pois não? Ou acha que eu copiava com folhas A4 em cima da mesa…!!!

Levou-me as folhas e nada disse… Passei à cadeira com 16 e sem o copianço…

Espelho meu disse...

De facto é muito mau os pais ensinarem a copiar...como os filhos normalmente o fazem (a maioria) que a ideia parta deles próprios!

Eu por acaso era muito boa a copiar, mas só o fazia quando a matéria dava quase em overdose de teoria. Escrevia não por não saber, mas para ter um auxiliar de memória ali à mão, e por essa razão muitas vezes nem chegava a usar as cábulas! :D

A melhor de todas foi ter aberto o dossier com o pé quase em frente ao professor, na faculdade, e ele nem ter dado conta! eheheh :p

Mas embora em não seja apologista de copiar, as cábulas são mais do que aquilo que parecem, porque os miúdos ao escreverem-nas estão a estudar e nem se apercebem disso!

Acho que só se deve fazê-lo em caso de desespero, mas não tornar um hábito...batotice apenas q.b.!

Quanto a eu vir a ser um bom exemplo para os meus futuros filhos, vai ser na base do "faço o que digo, não faças o que eu faço"! lol :D

Beijinhos*

VCosta disse...

1º Não me importava nada que a minha colega do lado estive a verificar umas cabulas da mesma forma que a foto que cuidadosamente escolheste

Já copiei sim... mas foi muito raramente!!!

Com o livro de Português estratégicamente colocado por trás de um colega e aberta na página certa.
Era bom aluno Português mas a porra dos recursos estilísticos era uma confusão na minha cabeça... Por isso na aula a tirar o máximo de apontamnetos (no livro) e com cores diferente para os diferentes recursos...
No teste foi "só" comparar textos!!! hehehe

Adiantou que nesse teste consegui tirar um 18 ou coisa parecida e subir um valor na nota final!!!
Mas confesso que era mais de dar o meu teste para os outros copiarem ou até fazer o teste deles (com alguns erros, para o prof não desconfiar muito)!!! hehehe

LoUcUrAs_dOs_22 disse...

bem, eu aprendi sozinha! :D

quase em todas as frequencias levava cabulas! :D o que adientou!? tirar boas notas! o método!? ou o tlm ou num papelinho no bolso. :D

beijinhos e mts LoUcUrAs

mjf disse...

Olá!
Eu copiei na Faculdade...uns papelinhos numa bic...
Mas a minha filha nem sonha:=(
Seria uma desilusão para ela, eu ter copiado...
O sistema Ingl~es...nisso é muito rigoroso...
Culturas diferentes...digo eu :=)
eheheh

Beijocas

NI disse...

TM, nunca fui uma pessoa de estudar muito porque tenho uma péssima memória visual. Pelo contrário, tenho uma memória auditiva acima da média o que assusta a maioria das pessoas porque nunca me esqueço daquilo que ouço :-) O meu método de estudo era fazer resumos e depois ler em voz alta.

Paulo, e depois queixam-se da fama dos homens do sul da Europa terem todos ar de mafiosos, ahahahahah

Espelho Meu, já no meu tempo o nome que se dava era "auxiliares de memória" :-)

VCosta, aos recursos estilísticos respondias com recursos estudantis, (lembra-me para nunca me sentar ao teu lado dada a minha propensão para decotes acentuados) ahahahahahah

LoUcUrAs, ao menos valeu a pena o esforço. É que deve dar um trabalho desgraçado fazer cábulas, ahahahahahah

mjf, numa bic? Das amarelas? Tinha uma colega que utilizava esse método. Ahahahahahah

Beijos a todos

Eu Mesma! disse...

Sim...
obviamente que já copiei mas... nunca gostei de usar cábulas... dava demasiado trabalho!

A minha técnica era fazer exames a meias com as minhas colegas do lado e claro... a bela da máquina de calcular que... bendita seja a memória que dava para escrever textos enormes lá dentro!!!!!!

:)

VCosta disse...

Se por ventura nos encontrarmos em algum exame poderás sempre partilhar as cábulas!!! hehehe
Tem um óptimo dia...

Cristina disse...

Tentei copiar uma vez no 9.º ano; fiquei tão nervosa que não consegui e ia desatando a chorar quando o professor (de Físico-Química... um homem enorme, gordíssimo e asqueroso) passou ao meu lado.

Enfim... até nisto somos parecidas... rai's parta! :D

sessaoexperimental disse...

Ja copiei!

Metodos?...quase todos...desde papeis minusculos...até a avançadas calculadoras com memoria para duas sebentas eheheheh

e sim valeu a pena...fiz o curso... :P

NI disse...

VCosta, partilhar cábulas? Hummmmmm

Cristina, dás cá uma novidade, ahahahahahah

Calvin, porque razão nunca duvidei que já tivesses copiado? Ahahahahahahah

Beijos a todos

VCosta disse...

Sim, os amigos são para a ocasião... hehehe

NI disse...

Ahahahahahah.

Obrigado pelas gargalhadas que me tens provocado VCosta.

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso