quinta-feira, 18 de novembro de 2010

O prazer é...






O prazer mais delicado é o de dar prazer a alguém.

Jean de La Bruyère



7 comentários:

Rui da Bica disse...

Ó Ni. Não que eu queira dizer que o La Bruyère aprendeu comigo! rsrsrs
... mas que eu tenho dito isso, relativamente a todo o tipo de prazeres, dezenas e dezenas de vezes é uma grande verdade !

Sadeek disse...

Tás bonita tás....

Isto era "armadilha" para eu começar para aqui a "espalhar-me ao comprido" como gente crescida? :D

BEIJOOOOOOOOOOOOOOO

Djinn disse...

Não podia estar mais de acordo ;)

Francisco o Pensador disse...

Já que o Sadeek não quer se espalhar, espalho-me eu.

Ó Nina, onde é que o Jean de La Gruyère...Bruyère, perdão...tinha a boca quando lhe deu para escrever isso?

Acho que o manual do Kamasutra deve ter dito algo semelhante pra ai uns mil anos antes do Bruyère ter nascido...

:)))

NI disse...

Mas o que é que se passa com os homens hoje?

Só faltam vir com a célebre desculpa da língua portuguesa ser muito traiçoeira.

Ups, lá fui eu dar mais um motivo...

:)

Miguel disse...

É o que eu acho...

Já falei sobre isto várias vezes!

NI disse...

Miguel, também partilho da mesma opinião.

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso