segunda-feira, 28 de março de 2011

Isso é que é "lixado"...




"Não poucas vezes esbarramos com o nosso destino
pelos caminhos que escolhemos para fugir dele."

Jean de La Fontaine

 
Anda uma pessoa a fazer tudo para fugir e somos apanhados nas curvas...
 
Então? O que fazemos? Esperamos sentados que o "destino" faça o seu trabalho? Mas não somos nós que fazemos o nosso próprio "destino"?
 
Ou será que o "destino" se cansa das asneiras que fazemos e das nossas indecisões e trata do "assunto"?
 
 
 

9 comentários:

ROSINHA (tilida5ever design) disse...

Boas perguntas...

NI disse...

Mas dava mais jeito boas respostas.

:)

Francisco o Pensador disse...

Nina, se o teu destino for apanhar chuva ou granizo na cabeça, vais esperar por ele sentada?
Bom ou mau, não nos compete criar o nosso destino, mas compete-nos sempre ir ao encontro dele.

NI disse...

Às tantas...fazia-me bem levar com um granizo pela cabeça abaixo.

:)

Francisco o Pensador disse...

Agora foi comigo que soou mal.
Se o nosso destino for apanhar granizo na cabeça, compete-nos ir ao encontro dele...

Chiça,é ainda mais estúpido do que ficar sentado.
Nina, apaga os comentários....hahahahaha :)

NI disse...

Qual quê...

Fica para memória futura.

:)

VCosta disse...

Vais ter com ele e perguntas o que ele te reserva e já agora se não paga um cafézinho!
Beijoca... ainda estou vivo! ;)

NI disse...

VCosta, dizes isso porque sabes que não consigo resistir a um café. E já tinha saudades.

:)

Beijos

só 1 mulher disse...

Questão complicada esta... ainda que eu não acredite piamente no Destino.. ou seja, acho que o Destino, o nosso Destino, somos nós que o fazemos mediante determinadas coordenadas a que somos sujeitos diáriamente.. mas ás vezes penso, que será só isso? ou haverá algo mais.. não sei

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso