sexta-feira, 9 de julho de 2010

...




Há muitas coisas que quero, de uma vez por todas, não saber.
A sensatez estabelece limites mesmo ao conhecimento.
Friedrich Nietzsche


Uma das coisas que quero, de uma vez por todas, não saber, é a razão pela qual algumas pessoas são incapazes de fazer uma crítica sem insultar.

Já houve tempo em que tentei entender. Em que tentei descobrir se a incapacidade demonstrada por algumas pessoas em discutir ideias e não pessoas, era uma questão de personalidade, de educação ou de uma imensa frustração.



6 comentários:

Rui da Bica disse...

O Nietzche tem carradas de razão e tu também !

Há muitos anos ouvi uma frase que traduz, ou se encaixa perfeitamente nesse "pensamento" :

"Provocações vindas de indivíduo de mentalidade embriónica, batem na couraça da minha indiferença" !
.

Tinta Permanente disse...

Eu aposto na educação, savoir faire ...

Missanguita disse...

Não é fácil criticar sem insultar... para isso é necessária alguma inteligência. Poucas pessoas a tem e por isso optam por deitar abaixo. Pode ser que ninguém perceba o pouco fundamento da critica...

Miguel disse...

Eu acho que não há tanta coisa assim criticável... Há muitas que se podem discordar...

Insultar já entra, na maior parte das vezes, no patamar onde se quer ter razão à força... perde-se a argumentação e parte-se para o insulto, tentando rebaixar o alvo do outro lado...

Gentinha, Ni, gentinha...

Eu Mesma! disse...

eu chego a conclusao que existem pessoas mal formadas e parvas e ... serão sempre assim ate ao final da vida...

enfim...
educacao não aparece com dinheiro...

Djinn disse...

Quem discute insultando demonstra a sua incapacidade de argumentação e além de tudo o resto, perdem automaticamente a razão...

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso