domingo, 9 de outubro de 2011

Será que vida nos trama quando se ama?

 
Para quem acredita no amor, seja qual for a definição que lhe pretendam dar, há uma questão que se levanta: afinal, no amor existe dor, ou não? Será que, para alguns, a vida "é tramada" e só existe dor?

Algum de vocês já  se viu "tramado"? Já amou alguém sem nunca a(o) poder tocar?



Ou o amor só pode trazer "felicidade"?



9 comentários:

Bloguótico disse...

O verdadeiro tem de trazer tudo... menos dor!! :p

NI disse...

Bloguótico, muito optimista.

:)

Psicoses de Sobra disse...

obviamente que trará dor. apenas os idealistas acreditam que o amor seja uma utopia de bem-estar e provavelmente porque nunca o sentiram.

NI disse...

Psicoses de Sobra, e casos existem em que traz mais dor que felicidade.

S* disse...

Já... acho que todos sofremos um bocadinho por amor... e isso até nos ensina a dar valor.

Petra disse...

Tendo em conta que se ama várias vezes na vida, apesar de umas mais intensas do que outras... O amor mostra várias faces... as de dor... e as de felicidade...

Geri disse...

Amor verdadeiro traz felicidade e dor em igual grau. Quando traz a felicidade ela é imensa e nada nos atinge e quando traz dor ela é tanta que tudo deixa de fazer sentido.

NI disse...

S*, ajuda-nos a crescer.

Petra, eu também defendo que se pode amar mais do que uma vez mas sei que nem todos partilham desta opinião,

Geri, não há meio termo, pois não? :)

Beijos

Sloguótica disse...

O amor traz-nos tudo, faz-nos ir do 8 ao 80 e vice-versa... : )

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso