quinta-feira, 26 de março de 2009

Desistir?


Bob Marley afirmou:

"O difícil não é lutar por aquilo que se quer,
e sim desistir daquilo que se mais ama.
Eu desisti.
Mas não pense que foi por não ter coragem de lutar,
e sim por não ter mais condições de sofrer"


Já vos aconteceu desistir de um amor?

Porquê?

Por falta de coragem de lutar ou porque não queriam sofrer mais?

12 comentários:

Espelho meu disse...

O meu "problema" é o contrário...nunca desisto...
Vou até onde não puder mais, porque por mais que sofra preciso de saber se valia a pena ou não...

Mas muitas vezes penso em desistir, porque o cansaço mental é atroz...

Beijinho*

Eu mesma! disse...

eu já desisti....
e ainda bem que o fiz....

porque?
por estar demasiado cansada para lutar... e porque lutar contra nos proprios e contra a propria pessoa.... passado algum tempo é desgastante, é dificil e ....

não vale mais a pena....

se ainda hoje me arrependo?
da decisão não.....
da ausência... todos os dias....

beijinhos

Djinn disse...

Só sou capaz de lutar por algo que mereça a pena...
Lutar por um amor correspondido por exemplo...agora lutar por algo que só uma pessoa luta é o sinal evidente q algo está errado. Logo não merece a pena, o melhor é partir para outra onde de facto existam condições para a pessoa ser feliz e correspondida...

Caranguejo disse...

Eu também já desisti....

porque?
Por ser o único que lutava por uma relação que se calhar já nem o era... e esta situação já se arrastava é demasiado tempo…
O Amor é um sentimento nobre….não se deve magoar a quem se ama…ou diz que se ama

E estou com a Eu Mesma!
“se ainda hoje me arrependo?
da decisão não.....
da ausência... todos os dias....”

beijinhos

Sadeek disse...

Pois....não! Acho que não faz parte do meu feitio. Se por um lado nunca desisti de nenhum amor (quando desisti, já não era amor) por outro também nunca lutei muito pelo que queria, mesmo em termos amorosos.

Sou um comodista, acho.

BEIJOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

Abobrinha disse...

Ni

Sim, mais que uma vez. A única coisa de que me arrependo é de por vezes não ter tido a sensatez de desistir antes e libertar a minha mente e o meu coração para outra coisa que valesse a pena. E sofrer menos e sorrir mais! Porque eu fico melhor a sorrir!

Storyteller disse...

Eu já desisti de um amor, porque já não sabia como lutar mais.

NI disse...

Bom, eu já desisti. Porquê? Por falta de coragem de lutar.

Só não desisto de lutar por uma coisa: de uma amizade. Façam o que fizerem, eu luto até ao fim. Até me dizerem olhos nos olhos que já não existe amizade.

pinxexa disse...

Relativamente a amores, não.
Até à presente data não.
Confesso que às vezes tenho vontade de desistir, porque não é fácil começar tudo de novo aos 37 com vidas completamente diferentes e ter de lutar com a nossa consciência, mas quando penso no que já fizeram e abdicaram por mim e na sorte que tenho, ganho coragem de leoa!
Quanto a amizades, já desisti de uma amizade em tempos de faculdade quando a amizade se transformou numa outra coisa e nenhum dos dois o quis admitir, especialmente eu. Por medo, fugi. Ainda hoje me arrependo. Acho mesmo que foi a maior estupidez que cometi na minha vida.

NI disse...

PInxexa, já me aconteceu isso. Na altura eu queria manter a amizade mas ele optou por desistir de tudo e ficou um enorme vazio, até hoje!

pinxexa disse...

Ni, vem a meus braços que sofremos as duas do mesmo mal!!!!!!!!!!!!

NI disse...

Ahahahahah

Eu dizia-te qual é o nosso mal...

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso