segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

Desabafo da semana

Não, os últimos dias não têm sido bons.

Aguento com tudo, menos com a indiferença.

Com a indiferença quando ela vem de quem é importante para nós.

Com a indiferença quando na maior parte do tempo já nos esforçamos para ser invisíveis.

Com a indiferença porque ficamos com a sensação de que estamos a mais.

Com a indiferença porque criamos a ideia de que não somos importantes.

E as ideias, essas, não são indiferentes....

13 comentários:

a Pensadora disse...

Ni...ao ler estas palavras nao senti que fossem tuas. Estranho!

...as vezes a indeferenca e usada para abafar as muitas palavras que a alma quer gritar!

Bjs

NI disse...

Pensadora, podes crer, são minhas.

Será estranho porque raramente demonstro as minhas fragilidades mas há dias e, por incrível que pareça, sou humana :-))

a Pensadora disse...

Ni...sem duvidas de que és humana e com fragilidades! Somente não consegui entender porque uma mulher como tu teria duvidas de que é importante e tenta ser invisivel aos olhos de quem talvez nao é importante?!? :)

Bjs

solo disse...

lá está, gostava de ajudar mas não sei como,

tipo, se fosses homem arranjava-se já aí 2 ou 3 soluções =)

como és mulher não sei (aquela coisa das milhares de multiplicidades da raça feminina), nunca sei, às vezes vejo a minha mais-que-tudo aflita e fico desesperado porque não sei o que dizer-lhe,

de modo que faço aquilo que faço com ela, um abraço,( neste caso virtual), porque para mim és tudo menos indiferente.

NI disse...

Pensadora, obrigada.

Bjs

Solo, não sei o que dizer-te. Uma lágrima de agradecimento dá?

Bjs

Obrigado

Sofia G. disse...

Um grande abraço querida!!Compreendo te muito bem...São fases de todas as vidas...Para mim já não és indiferente..
GRANDES jinhos

NI disse...

Obrigado a todos pelo carinho.

Há-de passar. Já devia estar habituada mas quando as pessoas são importantes para nós, é difícil.

Beijos

Anónimo disse...

Para mim a ni pode ser tudo menos INDIFERENTE, nas mais variadas facetas da minha vida!
Ela sabe disso...
Imginem que até o tempo que eu passo ao telefone ela me controla (coisa que o meu chefe não se atreviria a fazer!)! E passa-se comigo! Tou a falar a sério!
Como é que me há-de ser indiferente esta Mulher, digam lá?
lol
beijinhos doces nina,
Adoro-te!
Pinxexa

NI disse...

Pois, pinxexa, o que te esqueceste de dizer é que eu já estava há mais de meia hora à tua espera para ir tomar um café e fumar um cigarro e tu continuavas ao telefone.

Quanto ao resto, sabes que é recíproco, apesar de não ser tão expansiva quanto tu na manifestação dos afectos mas esta couraça não deixa.

Beijos

Jasmim disse...

Ni, gostava de ter vindo mais cedo dar-te um beijinho de consolo. Porque, também para mim não és indiferente, sinto-me como uma amiga que não acudiu outra quando ela precisou! (Sei que é estranho!)

É bom desabafarmos de vez em quando, mas não é tão bom pormo-nos em causa, duvidar de nós próprios, não o faças, porque mereces muito!

Com palavras não tão sábias como as tuas, mas com um beijinho terno.

O pensador disse...

E eu confesso que demorei um pouco mais que o habitual a conseguir compreender as tuas palavras.
Mas agora percebi o que te vai na alma.

Ni,subcrevo as palavras da Pensadora.
Na minha opinião ela conseguiu tocar de certa forma a ferida que guardas dentro de ti.

Já que gostas tanto de meditar sobre pensamentos,medita sobre este que fiz especialmente para ti:

"Se a indiferença provém de quem amas,tenta conhecê-la mais profundamente e aprende a amá-la.."

Bjs nina

NI disse...

Ainda mais???????????????????

O pensador disse...

Ni,talvez te tenhas limitado a aceita-la e não a compreendê-la..

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso