quinta-feira, 7 de março de 2013

Porque hoje, segundo a Rádio Comercial, é dia de dizer bem de alguém...

 
 
 
Ando meia desaparecida? Afirmativo.
 
Estou com bastante trabalho? Afirmativo.
 
Estou sem inspiração? Claro. Se assim não fosse não escrevia estas linhas.
 
Mas, verdade seja dita, para além de dores nas costas e do acidente do Liedson bem pertinho do meu estaminé de trabalho, não há grandes novidades.
 
Vejamos:
 
O frio e a chuva continuam.
 
Os bancos e os grandes empresários continuam a facturar "à grande e à alemã" (a francesa já era).
 
O desemprego continua a aumentar mas nada que preocupe os meninos e os seus especialistas de 23 aninhos que entendem da vida como eu entendo de carburadores.
 
O poder de compra continua a descer e as casas a fechar porque deixaram de ter clientes.
 
O Sr. PM continua a dizer disparates e a manifestar uma insensibilidade deveras preocupante.
 
O Sr. PR continua impávido e sereno a gozar a sua velhice ao lado da Sr.ª sua mulher.
 
Os militares estão à espera que chegue o 25 de Abril.
 
E o "zé-povinho" enfrenta a situação com uma calma que já me começa a assustar (vá-se lá  saber porquê não me sai da ideia o filme "O inferno de Dante").
 
 
Afinal há outra novidade: Dei conta que esta "sala-de-estar" ultrapassou as 250 mil visitas. Não digo é o número de anos que ando por aqui que até parece mal.

 
Fosga-se...lembrei-me agora que não disse bem de ninguém e o título do post fala disso.
 
E como ainda não encontrei quem não esqueci, a música é esta.
 
 



2 comentários:

O Mesmo Gajo disse...

Em grande forma, sim senhora!!

Bjo*

S* disse...

Ao menos desabafaste. ;)

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso