quarta-feira, 30 de junho de 2010

Ser cortejada ou cortejar?




Presume-se que a mulher deve esperar,
imóvel, até ser cortejada.
Mais ou menos como a aranha espera a mosca.
George Bernard Shaw


É verdade que as fibras da seda da aranha são muito resistentes e elásticas.

Mas será que a mulher se deve limitar a tecer a sua teia até apanhar um incauto?


Será que o jogo da sedução deve ser feito apenas por um?


Não é legítimo à mulher demonstrar o seu interesse antes que ele se manifeste da outra parte?


Ou será que, ao contrário dos homens, faltam qualidades à mulher para cortejar?


Ou, ainda, será que ao homem cabe cortejar e à mulher seduzir?



Será que na sedução ou no cortejar se impõe falar de igualdade?




3 comentários:

Sadeek disse...

Este é um jogo que se joga a dois... ;)

Eu Mesma! disse...

Concordo...
para se dançar o tango são precisas duas pessoas... obviamente que um posso ser quem conduz mas..

é algo sempre a dois :)

Miguel disse...

Deve ser igual... de um lado ou do outro!

E cada vez é mais assim!

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso