sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Esquecer...


Imagem da net


Alguém escreveu:


"Não existe o esquecimento total.


As pegadas impressas na alma são indestrutíveis..."




Todos nós, em determinadas alturas da nossa vida, tentamos esquecer alguém que foi importante para nós. 
 
 
Será que é verdade que o tempo tudo cura? E conseguirá que possamos esquecer o que é ou foi importante!!!
 
 
Mas se assim é porque razão volta e meia as coisas voltam, mesmo que acompanhadas de uma intensidade longínqua e com sabor a quase nada?
 
 
Ou, como a Eu Mesma num comentário em post semelhante afirmou: "irá existir um dia ..um dia como qualquer outro, em que nada de especial ira acontecer mas que... de um momento para o outro esse alguém deixa de se importante no momento... e não é que a pessoa deixe de ter importancia que teve no passado ... apenas existe um momento em que o passado deixa de ser importante no presente" ? 
 
 
Não vou perguntar se conseguem esquecer, definitivamente, alguém que marcou a vossa vida. 
 
 
Quer dizer...conseguem?
 
 
A música pode ser esta.


*

3 comentários:

Miss C* disse...

Acho que não. Acho que por muito que tentemos, num se consegue esquecer completamente uma pessoa. Pode perder a importância, mas nunca se esquece, é impossível.

Ana disse...

Acho que o comentário da Eu Mesma diz tudo. Não se esquece, mas a pessoa deixa de ter importância no presente. O lugar que ela ocupou no passado ninguém lhe tira, não esquecemos o peso que teve, simplesmente deixa de fazer parte dos nossos pensamentos de hoje.

AC disse...

Não consigo esquecer o que vivi, nem os monentos bons nem os maus, fazem parte de mim, são presença no meu eu.A única diferença é que os momentos maus eu remeto-os para um baú de recordações, fechado, arrumado num sotão escuro onde raramente lá vou.

Já tinha saudades da tua escrita.

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso