segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Os aduladores e a Miss Piggy...




Todos nós, ao longo da vida, encontrámos os aduladores (cá no Norte gostámos de chamar "engraxadores").

No meu primeiro ano do liceu calhou-me na rifa ter na turma um "engraxador" diplomado.

Chamava-se Aranda mas devido a essa particularidade deliciosa de "engraxar" os professores demos-lhe o cognome de "Aranha" por ser um dos bichos menos preferidos das miúdas naquela altura.

Ora,

Aqui a "je", graças ao seu porte atlético (que não era devido à gordura mas à actividade física intensa dos treinos de basquetebol), e à sua forma de estar (ninguém ficava sem resposta a uma provocação), tinha o cognome de "Miss Piggy".

O que o "Aranha" desconhecia era que eu também treinava râguebi e sabia placar como ninguém.

A professora preferida do "Aranha" era uma ruiva que dava matemática (vá-se lá saber porquê mas eu não podia com aquela professora) que, num acto pouco inteligente, decide colocar-me ao lado dele na carteira quando o que eu queria mesmo era ficar ao lado do "Tó de caracóis" que era o meu melhor amigo.

A primeira aula ainda correu bem (mais ao menos).

A segunda aula é que já foi um caso sério....

 Em primeiro lugar, começar com matemática às 8.30 da manhã é um atentado. Em segundo lugar, saber que tinha como companhia logo pela manhã um "engraxador" ao meu lado tirava-me logo a boa disposição. A agravar a situação, o "Aranha" decide estar parte da aula a sussurar-me ao ouvido essas palavra lindas e amorosas: "Miss Piggy".

A certa altura, já cansada de sentir o bafo dele no meu ouvido sensível, com um sorriso de orelha a orelha, olhei para ele e, calmamente, avisei que à próxima vez que ele me chamasse "Miss Piggy" iria sentir a verdadeira força do meu braço direito.

Ora, como a "inteligência" do "Aranha" era proporcional à sua capacidade de se dar bem com os colegas decide aproximar ainda mais a sua boquinha do meu ouvido e chamar-me, docilmente, "Miss Piggy".

Este seu aproximar meloso mereceu a minha primeira falta disciplinar a vermelho e ao "Aranha" dois dentes partidos quando caiu da cadeira pelo murro que lhe mandei.

Será que este episódio é responsável por ele ter passado por mim hoje e ter atravessado para o outro passeio?

Hummm....





11 comentários:

Rui da Bica disse...

UMA MULHER DO NORTE ! :)))
.

VCosta disse...

;)... ainda hoje ele deve ter sentido dor de dentes!
kiss

TM disse...

Sabes que os "pivots" são uma pipa de massa e a vida está difícil....
Deve ter fugido a pensar nos presentes de Natal... ;)

só 1 mulher disse...

"Calhando" Ni..

;)
O que eu me ri com o teu post.. sabes que no secundário, eu era chamada de Miss Piggy..

1 beijinho

NI disse...

Rui, ainda por cima de peixes :)

VCosta, a única coisa que sei é que não tive culpa que ele tivesse caído da cadeira. :)

TM, aprendi a ser "violenta" de forma diplomática, ahahahah

só 1 mulher, mas será que os miúdos têm algum fetiche por Miss Piggy? :)

Beijos

Francisco o Pensador disse...

Hahahahahaha...querias que ele fizesse o quê? Que sorrisse para ti para que pudesses ver se ele ainda mantém a sua falha de dentes?

:)))

Ps: Lembra-me para nunca te dar razões de te zangares comigo.

NI disse...

Então é melhor lembrar-te já hoje.

Mas contigo nunca daria um murro. Nem chegava à tua cara.

:)

Francisco o Pensador disse...

Pois...o facto de não conseguires chegar à minha cara é que me assusta ainda mais...

:))))

NI disse...

Ahahahahahah

Ficas sempre a perder...

Missanguita disse...

Espero bem que seja!!!! :D

NI disse...

Missanguia, tenho a certeza :)

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso