quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Porque sou assim...





Quem lida comigo diáriamente sabe que não tenho andado muito bem nos últimos dias. Hoje, particularmente, estou cheia de dores.

Se tivesse ficado na cama não seria de admirar.

Mas tenho a mania da contradição. Ou melhor, recuso-me a ceder.

É que, tal como defendeu William Shakespeare: "Não posso escolher como me sinto, mas posso escolher o que fazer a respeito".

12 comentários:

Requiem disse...

Ohh pá :( :( :(

Toma lá uma beijoca morceguita...

E vê se ficas melhor depressa!!!!

Djinn disse...

Minha amiga um abraço do tamanho do mundo!
E um beijinho de melhoras.

Abobrinha disse...

Linda

E não piorarás estando a trabalhar com dores? Cuida-te, bonitona!

Gugui disse...

Gosto da citação, mas preferia saber que estás bem... :(

Se as minhas "parvoices" puderem contribuir para te ajudar a aliviar um pouco a dor... eu até me visto de palhaço e faço macacadas! (e olha que eu detesto palhaços!)

Bjo grande

Tinta Permanente disse...

Abraço, amiga!

Victor Cardoso disse...

Não tens andado bem nos últimos dias??? Só?
Acho que isso é uma coisa que temos em comum, e por isso mesmo não podemos negar.
"Nós NUNCA estivemmos bem"
Especialmente tu.
A maluquice, o disparate, a tanga, a folgança, a zombaria, a chalaça, o remoque e até o chiste fazem parte do teu DNA.
Quanto às dores, minha amiga, é pena.
Com tantas coisas boas, não querias que tudo fosse um mar de rosas.
São os espinhos por seres assim tão recheada de predicados.
As melhoras, precisamos de ti a 100%.

PreDatado disse...

Só lhe posso desejar as melhoras.

O pensador disse...

Espera ai, minha amiga.
O ficar na caminha, seria ceder em quê exactamente?

Se tens realmente a mania da contradição e se costumas trabalhar quando estás doente, então deixa-te levar por essa dita "Mania" e vai te deitar!

Quando se trata de dores, nunca confies nas palavras de um Gay (William Shakespeare) porque para essa malta, geralmente, as dores costumam indicar quase sempre um bom sinal..

Coragem miuda!

NI disse...

Obrigado a todos. Foi apenas um desabafo porque não é fácil conviver com esta dor permanente, e por vezes incapacitante, meses e meses seguidos.

Mas isto passa.

:-)

Bjs a todos

Cristina disse...

Faço minhas as palavras de toda a gente. Qualquer coisa que acrescentasse agora... não seria nada!!

Um beijãooooooo

NI disse...

As tuas palavras são sempre importantes para mim. Obrigado querida amiga.

Beijos

Lança em África disse...

Mas tens o quê?

(ainda me queixo... :()

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso