terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Vicissitudes de uma portista estar casada com um "mouro" ...

Imagem da net

 
"Até em silêncio você demonstra que existe.
Estar sozinha é mera condição."
 
António Ramos da Silva

 
Poucas, ou ele não estivesse rodeado por 5 portistas fervorosas (mulher, filhas, cadela e gata - sim, que no ato da adopção das meninas de quatro patas foram alertadas que a fidelidade ao FCP não se questiona).
 
Portanto, posso bem com um "mouro" em casa mesmo depois das filhotas terem já saído de casa (sempre tenho a cadela e a gata para fazer maioria).
 
Mas o caso muda de figura quando no dia dos namorados, sim, aquele dia ao qual ele não liga nenhuma e eu pouco ligo, ele se lembra de dar um pulinho até Lisboa para se juntar a outros "mouros" deixando a namorada a comemorar o dia vendo o Rosewood.
 
E não vale de nada vir a RTP pedir desculpa à Maria e afins. Devia era pedir desculpa por hoje não dar o FCP. Em sinal de protesto vou ver o Fox Life... ou a Fox...ou o AXN...ou...
 
Dançar esta música...sozinha... mas o que é não podemos fazer sozinhas?
 
 
 

Mensagens

Arquivo do blogue


Porque não defendo:guetos, delatores pidescos, fundamentalismos e desobediência civil. Porque defendo o bom senso